Started on 30 de November de 2017 Carga Horária: 60 horas

Curso de Mediação Extrajudicial tem seu Programa baseado no Manual de Mediação do Conselho Nacional de Justiça

Normalmente quando surge uma divergência logo pensamos em entrar na justiça comum, mas nem sempre é a forma mais adequada para resolver um conflito. A Conciliação, Mediação Extrajudicial e Arbitragem são formas de resolução de conflitos adequados em Lei. A Lei Federal 13.140/15 visa promover um método adequado de solução de conflitos e, com isso, reduzir e controlar as demandas do Poderudiciário.

A lei define a mediação como atividade técnica exercida por pessoa imparcial, sem poder de decisão, que auxilia as partes envolvidas a encontrarem soluções consensuais. A Lei 13.140/15 estabelece que qualquer conflito privado pode ser mediado, inclusive
na esfera da Administração Pública. As partes têm o direito de ser acompanhadas por advogado ou defensor público, podendo atuar como Mediador Extrajudicial qualquer pessoa capaz e que tenha confiança das partes.

Exatamente por isso estamos aqui para te preparar para atuar com estes métodos com o devido reconhecimento, seja se capacitando ou se especializando na área de forma presencial.

 

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO:

1 – NOÇÕES PRELIMINARES
1.1. Processos, Métodos ou Meios em Espécie
1.2. Políticas Públicas em Resolução Adequada de Conflitos (Resolução 125/10 – CNJ)

2 – TEORIA DO CONFLITO
2.1. Conflito e Processo
2.2. Conflito e Disputa
2.3. Espirais de Conflito
2.4. Processos Construtivos e Destrutivos

3 – TEORIA DOS JOGOS
3.1. Conceito, Histórico e Aplicação
3.2. Equilíbrio de Nash
3.3. Competição e Cooperação
3.4. Teoria dos Jogos e Mediação

4 – NEGOCIAÇÃO
4.1. Fundamentos da Negociação
4.2. Tipos de Negociação
4.3. Técnicas de Negociação
4.4. Autoridade e Limites do Negociador
5 – MEDIAÇÃO
5.1. Panorama do Processo de Mediação
5.2. Agentes e Fatores da Mediação
5.3. Estrutura do Processo de Mediação
5.4. Benefícios – “Empoderamento” das Partes

6 – SESSÃO DE MEDIAÇÃO
6.1. Preparação
6.2. Sessão de Abertura
6.3. Reunião de Informações
6.4. Identificação de Questões, Interesses e Sentimentos
6.5. Sessões Individuais
6.6. Sessão Conjunta Final
6.7. A Construção do Acordo

7 – RAPPORT – ESTABELECIMENTO DE RELAÇÃO DE CONFIANÇA
7.1. Estratégias de Atuação
7.2. Compreensão do Caso
7.3. “Empoderamento” das Partes
7.4. Necessidades e Dificuldades das Partes
7.5. Imparcialidade

8 – CONTROLE SOBRE O PROCESSO
8.1. Condução do Processo
8.2. Intervenção do Mediador
8.3. Controle da Mediação
8.4. Construção de Soluções
8.5. Exploração de Alternativas
8.6. Redação do Acordo

CARGA HORÁRIA:

  • 60 horas
  • 24 horas teóricas e 16 horas práticas

HORÁRIO: 

08h às 12h e das 14h às 18h

INÍCIO: 

04 de Novembro de 2017 (5 Sábados)

FACILITADORES:

Dr. ANTÔNIO ESMERALDO FERREIRA SILVA – Presidente da Câmara de Arbitragem
FÓRUM DE JUSTIÇA ARBITRAL, árbitro e mediador, advogado inscrito na OAB/CE sob o
nº 26.202 com extensão universitária em Mediação e Arbitragem pela FUNDAÇÃO
GETÚLIO VARGAS – FGV ON LINE DIREITO RIO DE JANEIRO, pós graduado em
Resolução de Conflitos pela Universidade de Fortaleza – UNIFOR, Mestrando em
Resolução de Conflitos e Mediação (FUNIBER – Fundação Universitária Iberoamericana
/ Universidad Europeia Miguel de Cervantes) e em Direito Processual Civil: Novo CPC
(UNISC – Universidade de Santa Cruz do Sul), membro da CEMCA – Comissão Especial
de Mediação, Conciliação e Arbitragem da OAB/CE, professor na UNICHRISTUS –
CENTRO UNIVERSITÁRIO, palestrante em cursos e universidades em temas correlatos à
arbitragem e à mediação.

Dr. VITOR SÁVIO AMARAL ARAGÃO – Diretor Executivo Adjunto da Câmara de
Arbitragem FÓRUM DE JUSTIÇA ARBITRAL, árbitro e mediador nomeado pela Câmara
de Arbitragem FÓRUM DE JUSTIÇA ARBITRAL e pelo TRIBUNAL ARBITRAL DE
FORTALEZA, perito especialista em acidentes de tráfego, coautor da obra
INVESTIGAÇÃO PERICIAL EM LOCAIS DE ACIDENTES DE TRÂNSITO – Editora Millennium,
acadêmico de Direito no CENTRO UNIVERSITÁRIO ESTÁCIO DO CEARÁ – FIC e de
Letras/Bacharelado em Inglês na UECE – UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CEARÁ,
instrutor credenciado no SEST / SENAT – Serviço Nacional dos Transportes, autor de
diversos artigos científicos, professor e palestrante em cursos e universidades em
temas pertinentes à arbitragem e à mediação.

Deixe um comentário